Hoje em dia, graças às tecnologias agrícolas avançadas, temos acesso a quase todo o tipo de frutas e legumes durante o ano inteiro… Temos o que queremos, quando queremos… No entanto, devemos dar preferência aos produtos sazonais, consumir e saborear cada alimento na época própria, aproveitando desta forma todo o seu sabor e a melhor relação entre a qualidade nutricional e o preço.

As frutas e os legumes começam a perder o seu teor nutritivo logo após a colheita. Estes produtos, importados e comercializados em grandes superfícies, passam muito tempo em transportes, câmaras frigoríficas e prateleiras. Se não forem da época, pior ainda, pois chegam a viajar do outro lado do mundo para a nossa mesa. Estes produtos são colhidos ainda verdes e amadurecem neste longo caminho ao invés de maturarem ao Sol. Desta forma, diminuem a sua riqueza em nutrientes e vitaminas. Se forem de estufa, contêm ainda um maio número de substâncias tóxicas como pesticidas e fungicidas.

No entanto, as frutas e legumes congelados logo após a colheita, por vezes, conseguem manter grande parte do seu valor vitamínico. Assim, é preferível consumir alimentos congelados quando eles são congelados imediatamente após a colheita do que frescos mas com um tempo prolongado de prateleira.

Para alimentar a população mundial, seria difícil produzir alimentos sem recorrer a este tipo de ferramenta. Nem todos teremos a oportunidade de comer frutas e legumes apanhados diretamente da árvore ou da terra ou mesmo comprá-los nos pequenos produtores, mercados e feiras locais. Mas, para que consigamos comer o mais equilibradamente possível, podemos fazer um esforço e optar por frutas e legumes da época… Apesar de encontrar nos supermercados, todo o tipo de fruta e legumes, durante todos os meses do ano, quem controla o nosso carrinho de compras ainda somos nós…

A natureza é tão perfeita que nos dá o que precisamos, em cada época do ano, nos diferentes pontos geográficos.

Porque estamos em Portugal e no mês de Abril, deixo-vos aqui a seleção da época:

• Frutas – Ananás, banana, laranja, limão, maçã, nêspera, tangerina e morangos.

• Legumes e leguminosas a consumir – Abóbora, acelga, agrião, aipo, alcachofra, alface, batata, cebola, cenoura, brócolos, beterraba, favas e rabanete.


Filipa Lindim
Filipa Lindim

Nutricionista
Cedo me consciencializei sobre a importância de uma boa alimentação, um hábito que me foi promovido pelos meus pais, que sempre se preocuparam com a educação alimentar e a transmissão de hábitos alimentares saudáveis.

Licenciei-me em Nutrição e Eng. Alimentar e Ciências da Nutrição pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde Sul, em 2003. Desde então, tenho-me dedicado à prática clínica na área de nutrição em várias clínicas da região de Lisboa.

Adoro a minha profissão e dedico-me aos meus pacientes como se fossem a minha família. Cada consulta é uma descoberta e um novo desafio…

Ao longo do meu percurso profissional, tenho apresentado vários trabalhos com temas interessantes em palestras e congressos.

Perfil Completo

Innifit nas redes